Blog Gráfica Promopress

Gráfica Offset e Digital

Marketing de escassez – O que é?

by bruna on 3 de julho de 2019 No comments

Você sabe o que é marketing de escassez e como essa estratégia pode ajudar no sucesso da sua campanha de marketing? Confira nesse post.

Muitas vezes ouvimos em propagandas ou lemos em panfletos e sites as famosas chamadas “enquanto durarem os estoques”, “é só amanhã!”. Uma estratégia antiga, porém muito utilizada nos dias de hoje.

Mexer com o psicológico e emocional dos consumidores é uma maneira de despertar o seu senso de urgência, diante do receio de perder essa oportunidade de compra.

Dessa forma, o marketing de escassez surgiu para transformar aquela simples aquisição de um determinado produto, em um privilégio para o cliente.

As marcas estão cada vez mais investindo nesse tipo de estratégia, despertando cada vez mais a compra por impulso dos consumidores.

planejamento de marketing

Mas afinal, o que é marketing de escassez?

Atualmente, comprar algo mesmo sem ter a necessidade de utilizar, está se tornando cada vez mais comum.

Comprar algo que seja considerado limitado traz mais prazer e status para quem está consumindo.

O marketing de escassez está relacionado aos gatilhos mentais da persuasão e geração de resultados para as empresas.

O que são gatilhos mentais?

Os gatilhos mentais são palavras que acessam o cérebro emocional, disparando estados emocionais que provocam respostas automáticas do cérebro, muitas vezes inconscientemente.

O cérebro reage a estímulos e os gatilhos são palavras e situações que carregam um condicionamento da forma de  “estímulo resposta”. São palavras que geram confiança e distraem a parte do cérebro racional. São eles:

  • Escassez;
  • Reciprocidade;
  • Afinidade;
  • Curiosidade;
  • Prova social;
  • Exclusividade;
  • Segurança;
  • Autoridade.

Agora que já sabemos quais são os gatilhos mentais, vamos falar sobre o mais importante para nós nesse momento.

Gatilho mental da escassez

gatilho da escassez quase sempre está relacionado a tempo, preço e quantidade.

Ou seja, as pessoas limitam uma determinada oferta, informando por quanto tempo ela é válida com o preço promocional e quantas unidades estão disponíveis para compra.

Esse gatilho cria o senso de urgência nas pessoas, fazendo com que elas tomem uma decisão mais rápida, realizando a compra.

Podemos exemplificar escassez com exemplos práticos que são realizados no comércio: saldões, black friday, queima de estoque, feirões, venda de ingressos por lotes (primeiro lote é mais barato e os demais são mais caros).

FONTE: http://bit.ly/2KSgv0X

Um estudo realizado pela Digital Commons, na Universidade de Nebraska, em 2013, monitorou e entrevistou 14 compradores. Os participantes do estudo compraram em diversas lojas, sendo que a maioria deles utilizou estratégias de escassez percebida, como quantidades limitadas e vendas com tempo limitado.

O estudo descobriu que as lojas varejistas que utilizaram a escassez percebida, produziram efeitos psicológicos como concorrência entre consumidores, urgência de compra, ocultamento de produtos dentro da loja e pessoas pegando produtos e levando durante a compra, mesmo sem saber se iriam comprá-los no final.

Banner - planilha de investimentos em marketingPowered by Rock Convert

FONTE: http://bit.ly/2LwN5VB

marketing de escassez

Marketing de escassez – Vantagens

Aumento do volume de vendas

Uma das principais vantagens do marketing de escassez é o aumento do volume de vendas.

Isso porque, quando há poucos produtos sendo ofertados, é comum que os consumidores se antecipem para adquiri-los.

Com isso, a venda se torna mais rápida e o volume aumenta cada vez mais.

Esgotar estoques rapidamente

Todos nós sabemos que nenhuma empresa pretende ter estoque parado por muito tempo.

Para que isso não ocorra, empresários optam por usar estratégias de promoções e ofertas.

Por isso, o marketing de escassez é fundamental, o senso de urgência gerado por clientes fazem com que os produtos sejam vendidos rapidamente.

Aumentar o valor agregado dos produtos

A exclusividade é uma estratégia de marketing que mexe muito com a mente do consumidor.

Além disso, as empresas estão trabalhando em conjunto com outra vertente, o marketing de influência.

Pessoas que são relevantes para o seu público-alvo podem influenciar diretamente na vontade de ter algum produto.

Com isso, o valor agregado do produto se torna cada vez maior.

Case de sucesso

Um exemplo muito interessante sobre o marketing de escassez, vem de uma das maiores empresas de produtos esportivos no mundo.

A Adidas investiu fortemente em marketing nos últimos anos e a escassez esteve em pauta. Além dos lançamentos limitados, uma simples mudança em seu e-commerce fez toda a diferença: agora, os usuários visualizam quantas unidades restam daquele produto.

Sendo assim, se o número estiver baixo, a marca consegue aproveitar o medo do consumidor em ficar sem sua unidade. Isso é possibilitado graças a essa informação sobre o estoque do e-commerce.

FONTE: http://bit.ly/2KStT5d

Percebeu como essa estratégia pode te ajudar na melhoria dos resultados no fim do mês?

No blog da Promopress Gráfica tem outras dicas incríveis. Acesse, www.promopress.com.br e não perca essa oportunidade!

brunaMarketing de escassez – O que é?

Join the conversation