Blog Gráfica Promopress

Gráfica Offset e Digital

Acabamentos: Verniz localizado

by Augusto Palumbo on 5 de dezembro de 2018 No comments

Você sabe o que é verniz localizado? Esse é o nosso segundo artigo sobre acabamentos e vamos te explicar sua importância e como ele pode enriquecer o seu material impresso. Confira!

Na indústria gráfica, além de criatividade e tecnologia, há outras ferramentas e detalhes que podem proporcionar toda a diferença, garantindo mais qualidade ao trabalho solicitado pelos clientes.

Um dos detalhes imprescindíveis neste sentido é o acabamento, que pode ser de vários tipos, como por exemplo laminação, corte e vinco, e sobretudo o verniz localizado.

Afinal, você sabe o que é verniz localizado?

Chamamos de verniz localizado ou verniz UV o tipo de acabamento gráfico que proporciona ao impresso o efeito de brilho, somente nas partes desejadas.

Ele cria um aspecto estético superior e garantindo ao produto um visual mais trabalhado e bonito. É um acabamento especial que enriquece qualquer material gráfico. Ele pode ser em UV local com brilho, mas também há opções, como fosco.

Além disso, o verniz localizado possui a vantagem de ser aplicado em papéis de diferentes gramaturas, de postais a panfletos, portfólios, catálogos, cartões de visitas e folders.

A aplicação do verniz pode se dar depois da impressão ou concomitantemente ao processo de impressão, na própria máquina offset.

Benefícios do verniz localizado

Ele é conhecido por dar sofisticação ao material, apresentar nitidez das cores, dar brilho a elementos específicos e aumentar a resistência do impresso ao calor ou chuva.

Com a aplicação do verniz localizado, é possível dar um destaque especial sobre uma área, além de poder ser aplicado em logotipos, textos, imagens, etc.

caderno com verniz localizado

Aplicação da máscara de verniz 

A máscara de verniz é a indicação de onde o verniz será aplicado sobre o impresso.

As gráficas utilizam diferentes composições de cores específicas para indicar a aplicação de verniz. Aqui na Promopress Gráfica, utilizamos a composição de cores C: 0% M: 100% Y: 0% K:0%.

Os arquivos com aplicação de verniz localizado, normalmente, são estruturados de acordo com o gabarito de cada gráfica.

Como montar uma máscara de verniz localizado?

  1. Para fazer a máscara de verniz localizado, vá para a página 1 do seu arquivo, onde ele encontra-se a frente do seu impresso e selecione todos os elementos que deseja que o verniz seja aplicado.
  2. Depois de selecionar, dê o comando copiar (atalho ctrl+c).
  3. Vá até a página 2 do seu arquivo (máscara de verniz referente a frente do impresso) e cole a sua seleção (atalho ctrl+v). Os objetos colados deverão ficar na mesma posição da página 1.
  4. Ainda na página 2, o próximo passo será pintar de 100% magenta todos os objetos copiados. Repita o mesmo processo para o verso do impresso.

pasta com verniz localizado

Cuidados para aplicar o verniz localizado

– Por serem mais finos que o Couché, papéis como offset e reciclato não são recomendados para receber esse tipo de acabamento;

– Determine a linha limite que protege todas as informações importantes, garantindo que estas permaneçam no produto final mesmo que venha ocorrer uma variação de corte;

– Indique a realização do corte, informando o tamanho final do produto;

– Demarque o tamanho maior com o corte para prevenir bordas brancas no momento em que o material passa a ser refilado;

– Não utilize traços finos e elementos com muitos detalhes, próximos uns aos outros, uma vez que pode sair chapados na impressão;

– Certifique-se que a máscara esteja encaixando perfeitamente com as informações da arte, evitando que o verniz fique deslocado;

–  A espessura mínima para linhas é de 0,09cm e a fonte mínima para textos é de 7pt;

– Evite a aplicação de verniz localizado nas bordas do material, pois a camada de verniz nas extremidades do produto irá gerar uma pressão maior do que o necessário durante o processo, ocasionando danos no produto, como quebra do verniz, deslocamento da camada de verniz, etc.

Tipos de verniz utilizados no mercado

Há diversos tipos de verniz utilizados no mercado, o que faz a versatilidade ser uma característica marcante desse acabamento.

Verniz à base de óleo

É um tipo de material muito parecido com tintas convencionais, dando um aspecto brilhoso ou fosco para o seu impresso.

Composto, geralmente, por resinas de óleo, ele tem baixo custo se comparado a outros materiais e até mesmo os demais tipos de verniz.

Verniz à base de água  

Esse verniz é o resultado da mistura de água e outros aditivos em seu processo de fabricação. Por ser de base líquida é necessária a secagem após sua aplicação.

No entanto, essa secagem ocorre de maneira rápida, por conta da própria base do material, a água.

Assim como o verniz à base de óleo, esse verniz também dá o efeito brilhoso ou fosco ao seu material.

Verniz UV 

É o mais comum entre os materiais impressos. Seu nome se dá pelo fato do seu processo necessitar da ação de lâmpadas que emitem radiação ultravioleta.

Esse verniz se destaca por possuir um brilho maior em relação aos vernizes anteriores, o que significa que tem uma maior qualidade.

sacola com verniz localizado

Como fazer um cartão de visita com verniz localizado?

Você pode criar o seu cartão de visita com verniz localizado nos softwares Corel Draw, Illustrator, Photoshop e Indesign.

A grande diferença ao criar o cartão de visita com esse acabamento é que você precisa enviar além do arquivo do cartão,  você precisa criar uma cópia do arquivo chamada de “máscara”.

Apague todas as informações que não terão verniz localizado e passar as informações que terão o verniz para a cor magenta (canal M do CMYK sempre em 100% para indicação na máscara).

A aplicação de verniz localizado pode ser em até 30% da área total do seu material. Se você precisa aplicar uma quantidade maior do essa, será preciso adquirir a cobertura verniz total, acima de 30%.

Fique atento:

  • Procure não aplicar verniz em locais muito pequenos;
  • Como a aplicação do verniz é uniforme, não é permitido usar efeitos de lente ou sombreamentos;
  • Para maiores acertos na aplicação do verniz, mantenha sempre a máscara em vetor e evite ao máximo deixá-la em bitmap.

Maior durabilidade

Uma das vantagens de utilizar cartões de visitas verniz localizado é de fato, sua maior durabilidade e resistência ao passar do tempo.

Embora seja natural que toda impressão sofra danos com a usabilidade e com o tempo, desbotando-se naturalmente, no caso do cartão de visita com verniz localizado, as informações presentes na impressão se mantém, permanecendo legíveis e facilitando o acesso do cliente às informações dispostas no cartão.

cartão de visita com verniz localizado

 

Augusto PalumboAcabamentos: Verniz localizado

Join the conversation